O Que é Gestão de Performance?

Compreender o que é gestão de performance e como aplicá-la é algo fundamental para melhorar a produtividade da sua empresa.

Muitas vezes, esse conceito é confundido com a avaliação de performance. Mas, na verdade, a gestão de performance ou desempenho é uma estratégia mais ampla, porque vai além de medir a equipe. Saiba mais neste artigo!

Entenda de vez o que é gestão de performance

A gestão de performance é uma metodologia empresarial que visa melhorar as entregas da equipe. Na prática, essa estratégia representa um processo contínuo e mobiliza várias pessoas.

Você pode ganhar ainda mais com a sua utilização ao apostar em um RH estratégico, que também procura trabalhar pela performance da equipe, diferentemente do setor de recursos humanos comum.

A avaliação de desempenho é apenas uma etapa da gestão de performance. Se apenas essa análise for aplicada, o processo ficará incompleto, pois os dados não são usados de maneira tática e eficiente.

Confira quais são as fases principais da gestão de desempenho:

  • planejamento: momento em que o gestor alinha com toda a equipe as expectativas e o que deverá ser entregue. Se os profissionais não souberem exatamente aonde devem chegar, não conseguirão fazer o que se espera deles;
  • acompanhamento: inclui todo o tempo de execução das tarefas. Nessa fase também é necessário que haja processos para direcionar todos ao mesmo objetivo;
  • avaliação: análise objetiva do que foi entregue com relação ao que foi alinhado. importante que a avaliação seja feita dentro de uma frequência determinada, para garantir a constância e mais chances de otimizar os processos de melhoria contínua;
  • ações de melhoria: com o auxílio da avaliação de performance, é possível observar o que pode ser melhorado no processo. Por isso, essa é a última etapa da gestão de desempenho.

Vantagens da gestão de performance

A gestão de performance garante inúmeras vantagens para as organizações. A principal delas diz respeito ao aproveitamento do capital humano. Por meio dessa metodologia, os profissionais podem ser mais produtivos e aproveitar mais as oportunidades de obter melhorias para seu trabalho.

Como consequência, a rotatividade também diminui, pois a empresa pode aprimorar as habilidades da equipe que já possui. Além disso, com o direcionamento claro e o reconhecimento das metas e objetivos, os profissionais se sentem mais motivados para trabalhar. A entrega de valor também tende a ser melhor — um conjunto de fatores positivos que reflete diretamente na saúde financeira da empresa.

Os negócios que possuem gestão de performance conseguem aproveitar melhor a expertise e se adaptar ao mercado. Para auxiliar nos procedimentos relacionados a isso isso, muitas estão promovendo a transformação digital e investindo na integração de sistemas, otimizando o gerenciamento de seus processos por meio do BPM, por exemplo.

O BPM é uma metodologia voltada para a padronização de processos. Por meio dele, é possível ter total clareza e controle das ações a serem executadas. Consequentemente, o BPM também ajuda na melhoria contínua.

Quer saber mais sobre gestão de performance? Continue acompanhando o Blog da Lecom e as dicas que damos para a sua empresa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.