Como Automatizar Processos e Facilitar o Desenvolvimento Ágil de Softwares?

Automatizar processos é essencial para as empresas que desejam crescer de maneira sólida e organizada. Uma forma de fazer isso é por meio do desenvolvimento ágil de software.

Quer entender melhor o que é o desenvolvimento ágil de softwares e como ele pode impactar positivamente nos negócios? Continue lendo este conteúdo!

Como surgiu o desenvolvimento ágil de softwares

O termo desenvolvimento ágil de softwares começou a ser adotado em 2001, depois que um grupo de profissionais de tecnologia se uniu nos Estados Unidos. A ideia deles era discutir maneiras de melhorar as metodologias tradicionais. O resultado do encontro foi um documento intitulado “Manifesto para Desenvolvimento Ágil de Softwares”.

Parte dos conceitos desse documento já são aplicados nas organizações, como buscar alternativas diante das dificuldades, em vez de simplesmente seguir um plano rígido de trabalho.

Porém, existem outros valores que ainda são pouco adotados em grande parte das empresas. O manifesto recomenda, por exemplo, entregar software funcionando com frequência em períodos curtos.

Na prática, isso evita o efeito cascata, ou seja, quando o projeto só é entregue no final, e pode não atender às expectativas dos clientes. Além disso, ao fazer pequenas entregas, as chances de retrabalho são menores.

Como aplicar o método ágil na prática

O manifesto ágil possui 12 princípios que o norteiam. O primeiro, e principal, diz respeito à satisfação do cliente. Tudo o que é feito no negócio deve ter como foco entregar um sistema com alto valor agregado ao consumidor.

Outro aspecto fundamental são as mudanças. Enquanto nos projetos tradicionais as alterações podem significar riscos e, por isso, um motivo para não serem adotadas, no manifesto ágil é exatamente o contrário. Para essa filosofia, as mudanças podem ser necessárias para melhorar processos e garantir melhores resultados. Neste contexto, erros e alterações se tornam oportunidades de aprendizado.

As capacidades de auto-organização e melhoria contínua também valem para os negócios. Ao dar autonomia para a equipe, os processos se tornam mais fáceis de serem desenvolvidos, assim como alcançar os objetivos. Já a otimização constante serve para buscar maneiras de tornar a gestão mais efetiva.

O manifesto considera ainda que a simplicidade é essencial para que as tarefas sejam entregues no prazo. Isso significa, por exemplo, reduzir o número de atividades desnecessárias para o processo como um todo.

Soluções como o BPMS já aplicam os fundamentos da metodologia ágil. Nesse caso, as empresas conseguem automatizar os fluxos de trabalho, mapeando dados importantes e tomando decisões com rapidez para melhorar as entregas.

Porém, o método só é efetivo quando ocorre uma mudança de mindset de todos, ou seja, se a equipe aprende a nova forma de trabalhar.

Quer saber mais sobre o desenvolvimento ágil de software e outros temas relacionados? Continue acompanhando o blog da Lecom!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.