Exemplos de Automação – 3 Aplicações do RPA

Existem diversos exemplos de automação por meio de Robotic Process Automation (RPA), já que ele é uma das maneiras mais eficientes de terceirizar algumas atividades comuns e repetitivas nas organizações. O objetivo é substituir a força de trabalho humana e podendo realocá-las em áreas mais estratégicas para a entrega de valor.

Neste artigo, falaremos sobre algumas aplicações possíveis do RPA no fluxo de trabalho das empresas e explicaremos suas vantagens. Confira!

Exemplos de automação com RPA: porque utilizar?

Implementar ferramentas de RPA em seu workflow pode trazer muitas vantagens, mas para que você possa aproveitar ao máximo essas possibilidades oferecidas, o ideal é conhecer alguns exemplos de automação, para avaliar e verificar quais são os melhores para o atual momento de sua empresa. Confira:

1. Monitoramento de tarefas

O monitoramento de tarefas é um bom auxílio para compreender melhor os processos de uma empresa, e pode ser feito por um RPA com capacidade cognitiva. Ele não só irá monitorar o tempo e as especificações de cada tarefa, mas também verificará se há algo não foi processado com o esperado, permitindo então um controle preciso dos fluxos de trabalho.

Dar visibilidade da atuação dessa ferramenta, em uma modelagem feita em BPMN propõe uma solução efetiva para lidar com os processos organizacionais, já que será mais simples transformar as orientações do RPA em algo realmente palpável para pensar em possíveis redesenhos e mudanças nos processos.

2. Atendimento ao cliente

Os RPAs, hoje, têm o potencial de reproduzir a forma humana de se compreender contextos e executar tarefas, como é o caso dos chatbots. Entre os exemplos de automação, esse provavelmente é um dos mais conhecidos, e permite que um cliente com dúvidas simples possa ser atendido automaticamente. Assim, o atendimento humano pode ser designado apenas para questões mais complexas.

Isso oferece não só mais agilidade, mas também amplia a abrangência de atendimento tanto em turnos quanto em meios de contato, evitando os problemas comuns de uma operação básica de SAC.

3. Setor de RH

O setor de Recursos Humanos é a área da empresa que em geral possuem um alto número de com processos repetitivos, na maioria das vezes. São diversos documentos, procedimentos específicos de contratação, reembolsos, promoções, e muitos outros. Dessa maneira, apostar em um RPA para automatizar ao menos parte disso pode melhorar muito a eficiência operacional de áreas com essas características.

Você terá, assim, um bom ganho no tempo das atividades e, claro, na organização delas. Além disso, por meio de ferramentas de automação de processos é possível integração total entre os departamentos, permitindo um fluxo muito mais efetivo de comunicação.

Gostou dos exemplos de automação que selecionamos? Confira as nossas soluções soluções e veja como aplicá-las à sua organização!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.